Navegação – Mapa do site

InícioApresentaçãoProcesso de Arbitragem Científica...

Processo de Arbitragem Científica e Decisão de Publicação

1. Todos os manuscritos candidatados a publicação na Configurações: Revista de Ciências Sociais devem conformar-se às normas estabelecidas (ver Normas para apresentação de artigos).

2. Compete ao corpo de assistentes editoriais proceder à verificação prévia dessa conformidade e, caso necessário, informar o/a autor de qualquer aspeto a corrigir.

3. O manuscrito é, seguidamente, objeto de análise por parte do Conselho Editorial, a quem compete determinar se reúne condições para ser submetido a avaliação por pares, atendendo, nomeadamente, aos seguintes requisitos:

  1. Conformar-se à linha editorial da revista;

  2. Oferecer um contributo teórico e/ou empírico original para o avanço do conhecimento no domínio das ciências sociais;

  3. Conformar-se às exigências de qualidade da escrita científica, incluindo a salvaguarda de princípios éticos e deontológicos.

4. Em caso de não cumprimento dos requisitos indicados, o Conselho Editorial reserva-se o direito de não publicar os trabalhos recebidos, sendo a decisão comunicada por escrito aos/às autores/as.

5. Os manuscritos que cumpram os requisitos indicados, devidamente anonimizados, são submetidos a avaliação independente por especialistas, em regime de duplo anonimato (double blind peer review), a quem compete pronunciar-se, por escrito e de modo fundamentado, sobre a sua qualidade. Dessa avaliação, resultará recomendação de publicação (com ou sem alterações) ou rejeição.

6. A aceitação do manuscrito para publicação está condicionada a parecer positivo de ambos/as os/as especialistas e, nos casos aplicáveis, ao cumprimento das recomendações elencadas no prazo indicado pelo Conselho Editorial.

7. Caso o manuscrito seja objeto de pareceres contraditórios, compete ao Conselho de Redação a decisão final, levado em conta o seu teor. Constitui exceção a esta regra qualquer situação que colida com os princípios estabelecidos na Declaração de Ética e Boas Práticas, caso em que é solicitado parecer de um/a terceiro/a especialista.

  1. Caso esteja em causa um manuscrito submetido para publicação em dossiê ou número temático, as competências anteriormente descritas cabem aos organizadores respetivos.

8. A decisão será comunicada por escrito ao/à autor/a, acompanhada dos respetivos pareceres.

9. Todos os manuscritos aceites para publicação serão objeto de revisão linguística, da qual se dará conta ao/à autor/a.

10. No caso de números ou dossiês temáticos, compete aos/às respetivos/as organizadores/as assegurar as tarefas elencadas nos pontos 2 a 6, coadjuvados pelo Conselho Editorial.

  • Tempo médio entre a submissão e a publicação | ≈ 9 meses e meio

  • Taxa média de rejeição de trabalhos propostos | 29%

Pesquisar OpenEdition Search

Você sera redirecionado para OpenEdition Search