Navegação – Mapa do site

InícioApresentaçãoNorma editorial

Norma editorial

Âmbito editorial

A Etnográfica é uma revista académica especializada em antropologia social e cultural. Aceita propostas de artigos científicos, dossiês temáticos e artigos de crítica da literatura, para além de outros contributos que possam ser julgados do interesse do público da revista. Todos os textos propostos pelos autores ou organizadores deverão ser inéditos.

Periodicidade

Cada volume anual da Etnográfica é composto por três números, publicados quadrimestralmente em fevereiro, junho e outubro. As propostas podem ser enviadas em qualquer momento.

Línguas de publicação

Os textos poderão ser apresentados em português, inglês, espanhol ou francês.

Dimensão das contribuições

Os artigos propostos que ultrapassem as 9.000 palavras ou 60.000 caracteres (com espaços) não serão admitidos para avaliação. No entanto, os autores serão convidados a proceder a uma revisão para ressubmissão, de forma a corresponder a este requisito.

Os artigos em dossiê temático não devem exceder os 40.000 caracteres (com espaços) ou 7.000 palavras (vide infra).

Título, resumo e palavras-chave

Os artigos devem incluir um título (preferencialmente não muito longo), um resumo e até seis palavras-chave em duas línguas: na língua do texto e em português/inglês.

Identificação do autor

O autor deverá estar identificado no texto pelos seguintes elementos: nome, filiação institucional (centro de investigação, departamento, universidade), país e endereço de e-mail publicável.

Referências bibliográficas

As referências bibliográficas devem ser feitas no sistema "Autor (data)" no corpo do texto, devendo ser elencada a bibliografia referida (e só a referida) no final do texto, no formato definido (ver exemplos na página seguinte ou em números anteriores).

Extratextos

Poderão ser incluídos quadros e figuras que clarifiquem o argumento, desde que em número reduzido e fornecidos com qualidade para impressão a preto e branco.

Envio de propostas

Os artigos devem ser propostos por e-mail para etnografica@cria.org.pt em ficheiro de texto (Word), em qualquer momento.

A submissão de propostas de dossiê temático obedece a normas específicas (vide infra).

Sistema de avaliação e seleção

A seleção das propostas recebidas é da responsabilidade da comissão editorial e segue um rigoroso sistema de arbitragem por pares, sendo valorizadas a inovação teórica e a fundamentação etnográfica. Os artigos científicos são sujeitos ao parecer de colaboradores externos à revista em regime de anonimato bilateral.

A avaliação e seleção de propostas de dossiê temático obedece a normas específicas (vide infra).

Anonimização dos artigos

Os artigos devem conter sempre na primeira página:

  • Nome do/s autor/es

  • E-mail e filiação do/s autor/es

  • ORCID do/s autor/es

  • Agradecimentos (caso haja)

  • Financiamento (caso haja)

No texto (incluindo notas de rodapé) anonimizar:

  • Todas as informações explícitas referentes ao autor, tais como auto-citações ou referências a trabalhos anteriores, usando [referência suprimida para avaliação]; ou instituição a que pertence, usando [informação suprimida para avaliação].

  • Se a indicação da referência for indispensável ao texto, o autor deverá ser referido na terceira pessoa, por exemplo “Silva (2021) explica que” em vez de “Tal como expliquei (Silva 2021)”

  • O local/instituição em que o trabalho de campo foi realizado, caso denuncie a identidade do autor

  • Caso seja necessário distinguir um autor do outro, recorrer à numeração. Exemplo, “[Autor 1] deslocou-se a um local, e o [Autor 2] deslocou-se ao outro local”

  • Caso o artigo seja fruto de uma tese, o artigo não deverá ter o mesmo título da tese

Na bibliografia:

  • Eliminar todas as referências que foram ocultadas no texto. No fim da bibliografia acrescentar [referências suprimidas para avaliação]

Anonimizar o documento:

  • Antes de abrir o documento: botão direito do rato sobre o ficheiro > propriedades > detalhes > eliminar nome do autor. Exemplo

  • Com o documento aberto: ficheiro > informações > eliminar nome do autor. Exemplo

Dossiês temáticos: envio de propostas, avaliação e seleção

As propostas de dossiê temático devem ser enviadas por e-mail para etnografica@cria.org.pt em ficheiro de texto (Word). A proposta deve incluir: um texto de apresentação (até 2500 palavras), que dê conta do propósito, contribuição e unidade do dossier; títulos e resumos dos artigos; identificação dos autores; identificação, contactos e uma curta biografia (c. 150 palavras) de cada um dos organizadores. Um dossiê deve ser constituído por introdução e, no mínimo, três artigos.

NB: O envio à Etnográfica de uma proposta de dossier pressupõe que o respetivo manuscrito se encontra em condições de ser submetido na íntegra, caso seja selecionado pela comissão editorial para revisão por pares.

As propostas submetidas até 31 de janeiro de cada ano são apreciadas pela comissão editorial durante os dois meses seguintes, sendo comunicado até 31 de março, aos organizadores de cada dossiê proposto, se o mesmo segue para arbitragem por pares. Em caso afirmativo, o manuscrito deve ser submetido, o mais tardar, até 30 de abril.

A totalidade do dossiê não deve exceder as 40.000 palavras, incluindo artigos, introdução e eventual comentário ou outras peças. Cada um dos artigos não deve exceder os 40.000 caracteres (com espaços) ou 7.000 palavras.

A avaliação por pares incide sobre cada um dos artigos e, também, sobre o dossier no seu conjunto.

O dossiê ou dossiês positivamente avaliados no âmbito da arbitragem por pares serão por norma publicados no ano seguinte.

A comissão editorial considera a possibilidade de realizar convites diretos no âmbito da organização de dossiês sobre temas que julgue críticos na agenda científica e pública da antropologia. Eventuais propostas submetidas neste âmbito estarão sujeitas a todos os procedimentos descritos acima.

Referências bibliográficas – alguns exemplos

No texto

Outras opiniões foram já registadas (Malinowski 1921: 345).

Vários autores trabalharam o assunto (Malinowski 1921; Evans-Pritchard 1965).

Fernandes (2002, 2003) expôs este problema.

Como afirmou Evans-Pritchard, “What can he do anyhow?” (1965 [1940]: 166).

Na bibliografia final

ANTUNES, José M., 2004, “Passado, presente e futuro dos artigos online”, Revista de Informática Experimental, 6 (3). Disponível em <http://www.rie.pt/2004/jma1> (última consulta em setembro de 2005).

BASTOS, Cristiana, Miguel Vale de ALMEIDA, e Bela FELDMAN-BIANCO (orgs.), 2004, Trânsitos Coloniais: Diálogos Críticos Luso-Brasileiros. Lisboa: Imprensa de Ciências Sociais.

CABRAL, João de Pina, e Nelson LOURENÇO, 2003, Em Terra de Tufões: Dinâmicas da Etnicidade Macaense. Macau: ICM.

DIAS, Jill, 2002, “Novas identidades africanas em Angola no contexto do comércio atlântico”, in Cristiana Bastos, Miguel Vale de Almeida e Bela Feldman-Bianco (orgs.), Trânsitos Coloniais: Diálogos Críticos Luso-Brasileiros. Lisboa: Imprensa de Ciências Sociais, 293-320.

EVANS-PRITCHARD, Edward E., 1965 [1940], The Nuer: A Description of the Modes of Livelihood and Political Institutions of a Nilotic People. Oxford: Oxford University Press.

FERNANDES, António, 2002, “Como citar textos eletrónicos”. Disponível em <http://www.citartextoselectronicos.com/fernandes1> (última consulta em maio de 2003).

FERNANDES, António, 2003, Tudo sobre Textos Electrónicos. Lisboa: Editora E-livros. Disponível em <http://www.ebooksparatodos.pt/fernandes/htm> (última consulta em abril de 2004).

MALINOWSKI, Bronislaw, 1921, “Classificatory particles in the language of Kiriwina”, Bulletin of The School of Oriental Studies, 1 (4): 33-78.

Direitos sobre o material publicado

Ao aceitarem a publicação na Etnográfica, nas suas edições impressa e eletrónica, os autores cedem todos os direitos sobre o material publicado ao Centro em Rede de Investigação em Antropologia, entidade editora da revista e responsável pela sua difusão e comercialização em qualquer formato e suporte julgado adequado à promoção da cultura científica, assegurando sempre que a autoria é devidamente mencionada e respeitada. A matéria dos artigos é da responsabilidade dos autores.

Pesquisar OpenEdition Search

Você sera redirecionado para OpenEdition Search