Navegação – Mapa do site
Espaço Virtual

Título da página eletrónica: Sexual Violence in Armed Conflicts, 1989‑2009 (SVAC)

Tatiana Moura, Júlia Garraio e Sílvia Roque
p. 205

Texto integral

1“Sexual violence in armed conflicts” (SVAC) é um projeto de investigação dirigido por Inger Skjelsbæk no conceituado Instituto de Estudos para a Paz de Oslo (PRIO). Num contexto internacional em que a violência sexual em conflitos armados tem recebido considerável atenção mediática e se tem assistido a algumas tentativas com vista a levar os responsáveis a julgamento e a promover medidas preventivas, este projeto parte do princípio de que, para se lidar com o problema eficazmente, é necessário dispor de conhecimento profundo e sistemático das variações na ocorrência da violência sexual, enquanto conceito que não se limita à violação. Pretende assim oferecer um mapeamento das formas e dos níveis de violência sexual através da análise de um largo espectro de países devastados pela guerra, focando tanto os executores como as vítimas com o objetivo de compreender porquê, quando e onde ocorre a violência (e também quando e porque não ocorre). O objetivo é a criação de uma base de dados da violência sexual em guerras civis entre 1989 e 2009. Entre as publicações já surgidas no âmbito do projeto destaca‑se Sexual Violence in African Conflicts, de Nordås Ragnhild (2011, PRIO). O projeto SVAC faz parte da vasta investigação desenvolvida no PRIO de análise de conflitos armados, formulação e documentação de abordagens analíticas e respostas a situações de guerra. A consulta da lista de projetos já finalizados e em curso neste Instituto dá acesso a uma vasta investigação e a contactos de investigadores da área dos Estudos para a Paz que trabalham atualmente sobre a situação das mulheres em zonas de conflito armado.

Topo da página

Para citar este artigo

Referência do documento impresso

Tatiana Moura, Júlia Garraio e Sílvia Roque, « Título da página eletrónica: Sexual Violence in Armed Conflicts, 1989‑2009 (SVAC) »Revista Crítica de Ciências Sociais, 96 | 2012, 205.

Referência eletrónica

Tatiana Moura, Júlia Garraio e Sílvia Roque, « Título da página eletrónica: Sexual Violence in Armed Conflicts, 1989‑2009 (SVAC) »Revista Crítica de Ciências Sociais [Online], 96 | 2012, posto online no dia 15 fevereiro 2013, consultado o 11 agosto 2020. URL: http://journals.openedition.org/rccs/4884

Topo da página

Autores

Tatiana Moura

Desde Setembro de 2011, é Diretora executiva do Instituto Promundo, organização não‑governamental brasileira com escritórios no Rio de Janeiro (Brasil), em Washington, DC (Estados Unidos) e em Kigali (Ruanda), cuja missão é promover masculinidades e relações de género  não‑violentas e equitativas no Brasil e internacionalmente. Cocoordena, desde 2008, o Observatório sobre Género e Violência Armada – OGiVA, no Centro de Estudos Sociais, onde também é investigadora. Licenciada em Relações Internacionais pela Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra, tem o grau de mestre em Sociologia pela mesma Faculdade e é doutorada em Paz, Conflitos e Democracia pela Universidade Jaume I (Espanha). Os seus interesses de investigação centram‑se em questões relacionadas com transformações de masculinidades violentas em contextos de pós‑conflito e violência armada urbana, e feminismo das Relações Internacionais. Nos últimos anos tem coordenado projetos sobre jovens em contextos de violência armada, em particular na América Latina. Em 2009 publicou Auto de resistência. Relatos de familiares de vítimas da violência armada (7Letras) e, em 2010, Novíssimas guerras. Espaços, identidades e espirais da violência armada (Coimbra: CES/Almedina).
tatiana@ces.uc.pt

Artigos do mesmo autor

Júlia Garraio

Investigadora do Centro de Estudos Sociais, onde integra o Núcleo de Estudos sobre Humanidades, Migrações e Estudos para a Paz (NHUMEP). Desenvolve desde 2007 um projeto de pós‑doutoramento sobre a representação literária e cinematográfica das violações de mulheres alemãs por membros das forças aliadas na Segunda Guerra Mundial. É membro da rede internacional Sexual Violence in Armed Conflict (SVAC) e, desde 2011, é coordenadora da publicação Oficina do CES (http://www.ces.uc.pt/publicacoes/oficina/).
juliaga@gmail.com

Artigos do mesmo autor

Sílvia Roque

É investigadora do Centro de Estudos Sociais e doutoranda em Relações Internacionais na Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra, desenvolvendo uma tese sobre percursos de violência em países que atravessaram um conflito armado. Desde 2005 participa em projetos de investigação na área dos Estudos para a Paz, na Guiné‑Bissau e em El Salvador. Os seus interesses atuais incluem a violência juvenil, a violência contra as mulheres e a participação das mesmas em grupos violentos e a forma como estes temas são tratados nas agendas internacionais de segurança e “construção” da paz. Principais publicações: Pureza, José Manuel; Roque; Sílvia; Cardoso, Kátia (orgs.), Jovens e trajectórias de violências. Os caos de Bissau e da Praia (Coimbra: CES/Almedina, 2012) e Roque, Sílvia, Um retrato da violência contra mulheres na Guiné‑Bissau (Bissau: Governo da Guiné‑Bissau/Organização das Nações Unidas, 2011).
silviar@ces.uc.pt

Artigos do mesmo autor

Topo da página

Direitos de autor

Licença Creative Commons CC BY 3.0

Topo da página
  • Logo Centro de Estudos Sociais
  • Logo Universidade de Coimbra
  • Logo Universidade de Coimbra - Património Mundial em 2013
  • Logo Compete 2020
  • Logo Portugal 2020
  • Logo Fundos Europeus Estruturais e de Investimento
  • Logo Fundação para a Ciência e a Tecnologia
  • Logo DOAJ - Directory of Open Access Journals
  • OpenEdition Journals