Navegación – Mapa del sitio

Apresentação

A Revista de Estudios Sociales (RES) é uma publicação trimestral (janeiro-março, abril-junho, julho-setembro e outubro-dezembro), publicada no início de cada período mencionado. Criada em 1998 e financiada pela Faculdade de Ciências Sociais da Universidad de los Andes (Colômbia), tem como objetivo contribuir para a difusão de pesquisas, análises e opiniões que a comunidade acadêmica nacional e internacional elabora sobre os problemas sociais, além de outros setores da sociedade que merecem ser conhecidos pela opinião pública. Por essa razão, a Revista recebe e publica conteúdos inéditos em espanhol, inglês e português. Dessa maneira, a Revista busca ampliar o campo do conhecimento em matérias que contribuam para entender melhor a realidade mais imediata e as condições de vida da população.

A estrutura da Revista possui seis seções:

  • A Apresentação contextualiza e introduz o número, além de destacar aspectos particulares que merecem a atenção dos leitores.

  • O Dossiê integra um conjunto de conteúdos sobre um problema ou tema específico que, sob uma perspectiva crítica e analítica, oferecem os avanços ou os resultados de uma pesquisa, reflexão ou revisão temática, dando conta das novas tendências numa área específica do conhecimento.

  • Outras Vozes se diferencia do Dossiê em que inclui textos que apresentam pesquisas, reflexões ou revisões, que tratam sobre problemas ou temáticas diversas.

  • Documentos divulga um ou mais textos sobre temáticas de interesse social que são abordadas de maneira reflexiva, geralmente por autoridades na matéria. Também são publicadas traduções e transcrições de conteúdos relevantes das diferentes áreas das Ciências Sociais.

  • Debate é uma seção em que são incluídos conteúdos sobre temáticas específicas, orientadas a gerar discussões acadêmicas de diferentes perspectivas, mediante entrevistas ou textos analíticos.

  • Leituras inclui resenhas bibliográficas no campo das Ciências Sociais.

A Revista altera a estrutura de apresentação de suas seções nos números que são de tema livre. Nessas edições, não aparecem as seções de Dossiê nem Outras Vozes e inclui-se a seção Temas Vários.

A estrutura da Revista responde a uma política editorial que busca: proporcionar um espaço para diferentes discursos sobre teoria, pesquisa, conjuntura e informação bibliográfica; facilitar o intercâmbio de informação sobre as Ciências Sociais nos países latino-americanos e no mundo; difundir a Revista entre diversos públicos e não somente entre os acadêmicos; incorporar diversas linguagens, como ensaio, o relato, o relatório e o debate, para que o conhecimento seja de utilidade social; finalmente, mostrar uma noção flexível do conceito de pesquisa social, com o objetivo de dar espaço a expressões alheias ao campo específico das Ciências Sociais.

Palavras-chave: ciências sociais, pesquisa, reflexão, revisão.

A Revista declara que, todos os artigos recebidos são submetidos à ferramenta de detecção de plágio; os conteúdos publicados na versão digital são de acesso aberto e podem ser baixados em formato PDF, HTML e na versão e-book. Os autores devem manifestar que o texto é de sua autoria, inédito e que respeitam os direitos de propriedade intelectual de terceiros. Os pareceristas devem declarar, no formulário de avaliação, que não têm conflito de interesse com os autores e os temas sobre os quais emitirão o parecer.

A Revista de Estudios Sociales em 2016 recebeu 295 trabalhos, aprovou 11% e recusou 89%.

  • Logo DOAJ – Directory of Open Access Journals
  • Logo Latindex
  • Logo Universidad de los Andes
  • OpenEdition Journals